Não Tenha Medo de Ficar Sozinha

Antes de começar com  artigo, veja este vídeo e mude um pouco a sua opinião:

O Poder da sua mente

Nos últimos anos, tenho falado bastante do poder da mente que nos ajuda a manifestar a vida que desejamos. Quanto mais aprendo sobre nosso poder mental, mais me surpreendo com nossa capacidade de transformação. Mesmo que você desacredite, todo amor que recebe hoje vem da sua capacidade criadora de “gerar” esse amor. Sua mente tem o poder de atrair o que você acredita como verdadeiro e ponto final!

Somos as responsáveis pelas nossas crenças e contamos com elas para criarmos nossa rotina, nossos relacionamentos, tudo que nos circula.

Uma bela frase de um poeta circula por aí: “O homem que não sabia o que era impossível foi lá e o fez”.

Deixe que essa frase inspire você a também “não saber” e permita-se esquecer as lições que têm sido de pouca ajuda para você. Vamos brincar de faz-de-conta? Que tal por um minuto deixar no passado a história de fracasso sentimental e vibrar, sonhar com uma vida maravilhosa a dois? Como seria imaginar alguém do seu lado, mostrando o quanto você é especial?

Quero dizer que se você consegue por um segundo fazer de conta e vivenciar essas perguntas de forma clara, se sua mente consegue visualizar uma situação diferente, você pode também transformar o medo que te limita viver o amor!

O medo te limita de viver o amor

Infelizmente, algumas pessoas tem medo por se acharem velhas demais e sem capacidade de encontrar o amor. Ou melhor, outras pensam que são novas demais e sem maturidade. Vamos lá. Vou listar algumas das maiores crenças que limitam mulheres de encontrar o amor:

  • Crença limitante 1: Estou velha demais para um relacionamento
  • Crença limitante 2: Sou muito tímida para me relacionar
  • Crença limitante 3: Já sofri demais com outras relações no passado. Não quero passar por isso de novo.
  • Crença limitante 4: Só atraio os homens errados
  • Crença limitante 5: Não sou atraente
  • Crença limitante 6: Não quero ser rejeitada

Quero que preste muita atenção: somente crenças limitantes impedem alguém de viver uma história de amor, nada mais!

Vamos pensar em você agora. Quais “verdades” você está defendendo? Será que pensa que é desinteressante demais? Será que acredita que o final feliz só está reservado para outras pessoas? Ou será que pensa que pode viver um grande amor?

É sempre bom repensar suas “verdades absolutas”. Encare-as como roupas que saíram de moda e livre-se delas, quando necessário.

Dispa-se das limitações que te impedem de viver o amor. Jogue fora a meia da insegurança, livre-se daquele colar de culpa, rasgue o véu do pessimismo.

O primeiro passo para descobrir o que não serve mais e mudar seu guarda roupa interior é se olhar no espelho. Comece encarando os fatos com coragem. Qual sua desculpa hoje para não viver um grande amor?E que “verdade absoluta” deve ser derrubada para que isso mude?

Quando encaramos o monstro, ele fica menor. Se você não acredita que é seu direito natural viver o amor, existe um monstro para ser desafiado.

Descubra a origem do medo de ficar sozinha e trabalhe estas limitações. Ter medo de ficar sozinha na verdade é positivo. Porque é ele que vai te dar forças para realizar o seu sonho de viver um relacionamento amoroso até o seu último dia de vida.

Onde aprender mais sobre o AMOR?

medo de ficar sozinha

Com a leitura deste artigo você já consegue dar um grande passo na conquista do seu homem. Porém, aconselho você a aprender mais sobre o assunto, então leia também:

E se quiser aprender com a melhor Coach de Relacionamentos do Brasil (Miria Kutcher) sobre como conquistar um homem de verdade. O Programa Pronta Para o Romance transformará a sua vida amorosa completamente (sem brincadeiras), é só clicar aqui para acessar.